O modal de transporte mais barato é a hidrovia, já que este sistema de transporte faz uso somente dos rios navegáveis como vias utilizado para levar passageiros, mercadorias, e cargas de qualquer tamanho, em função disso, é a peça chave para o fortalecimento da infraestrutura e a logística de qualquer país.

A maior importância de fazer uso do modal de transporte mais barato que são as hidrovias, é de serem ecologicamente corretas, pois, agridem menos o ambiente quando comparadas aos sistemas rodoviário e o aéreo.

No Brasil, apesar de ter uma quantidade significativa de rios navegáveis que representariam um forte potencial na área de transportes hidroviários, ainda, são poucas hidrovias em funcionamento.Confira quais são:

Hidrovia Tietê-Paraná

  • Localizada em trechos navegáveis dos rios Tietê e Paraná;
  • É uma via de navegação entre áreas importantes das regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste;

Hidrovia do Madeira

  • Localizada no rio Madeira, onde fica o tronco principal;
  • É uma via de navegação e transporte de cargas da região Norte do Brasil que começa em Porto Velho, Rondônia, e vai até o Porto de Itacoatiara no rio Amazonas;

Hidrovia Tocantins/Araguaia

  • Localizada nos rios Araguaia, Tocantins e afluentes;
  • É a principal hidrovia da região centro-norte do Brasil;

Hidrovia do São Francisco

  • Localizada nos rios São Francisco, Paracatu, Grande e Corrente;
  • É uma via de ligação entre as regiões Nordeste e Centro/Sul do Brasil com 2.354 km de extensão;

Hidrovia do Paraguai

  • Localizada na Bacia do rio Paraguai;
  • É uma via de navegação hidroviária da América do Sul;

Hidrovia Solimões/Amazonas

  • Localizada no rio Amazonas, onde fica o tronco principal;
  • É uma via importante de navegação da região norte do Brasil, presente também na Bolívia, Equador, Peru e Colômbia;

Hidrovia do Mercosul

  • Localizada nos rios Jacuí, Caí, Sinos, Gravataí, Taquari, Camaquã e Jaguarão na região sul do Brasil;
  • Tem ligação com a Bacia do rio Uruguai com 1.860 km de vias navegáveis;

Hidrovia do Tapajós/Teles Pires

  • Localizada no rio Tapajós na região Norte;

Hidrovia do Parnaíba

  • Localizada no rio Parnaíba entre os estados do Piauí e Maranhão;

Outra grande vantagem em se aplicar nas hidrovias, é que devido ao baixo custo beneficia o valor comercial dos produtos tornando-os mais competitivos no mercado, afinal, o custo de transporte muitas vezes aquece o aumento da mercadoria até o consumidor final.

Claro, que assim, como qualquer transporte, o hidroviário precisa também estar interligado a outros modais de transportes, e caso não tenha fácil acesso pode representar problemas que precisam ser solucionados para que a mercadoria chegue a tempo no destino final, como as estradas que servem de ligação com o transporte fluvial principalmente devido a distância dos centros de produção.

É necessário que as hidrovias estejam em grandes rios, como também em lagoas navegáveis, justamente porque podem levar vários tipos de mercadorias independente do peso e tamanho, além de minérios e produtos não perecíveis. Apesar que no Brasil as hidrovias são pouco exploradas ao contrário de outros países, mesmo assim, temos uma rede hidroviária com cerca de 22.037 km responsáveis pelo transporte de aproximadamente 13% da mercadoria interna do país.

Entre as principais hidrovias do país destacam-se:

  • Amazônica com 17.651 km, Tocantins/Araguaia com uma extensão de 1.360 km;
  • Tietê-Paraná com 1.359 km;
  • Paraguai com 591 km;
  • São Francisco com 576 km;
  • Sul com 500 km;

Como pode ser notado, a maior extensão de hidrovias está na região amazônica representando 80% das vias navegáveis do país, contudo, já existem estudos em andamento para viabilizar mais hidrovias nas bacias brasileiras, o modal de transporte mais barato do momento.

0 comentários

Trackbacks/Pingbacks

  1. Quanto subiu a produção de veículos acumulada nesse ano? | Elevacar Hidráulico - […] veja também qual o modal de transporte mais barato de todos clicando aqui […]

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Contato Segurança *

Publicações Recentes

Como viajar tranquilo nas férias

Fim de ano chegando e junto vem a lista dos presentes para a família, amigos, Ceia de Natal, então, finalmente o descanso tão esperado. Nada melhor que saber como viajar tranquilo nas férias para aproveitar cada momento, afinal passa muito rápido. Dezembro...

ler mais

O que é o IONITY?

O BMW Group, Daimler AG, Ford Motor Company e Volkswagen Group se uniram para o lançamento da IONITY. Um empreendimento para a implantação de uma rede de estações de carregamento de alta potência em vários países europeus. Em princípio, serão construidos cerca de 400...

ler mais

Por que a Mercedes-Benz do Brasil está comemorando

A Mercedes-Benz do Brasil atingiu a marca de produção de 3 milhões de motores para caminhões e ônibus, no acumulado desde 1956, quando foi pioneira na fabricação do primeiro propulsor a diesel nacional. O motor que simboliza esse marco é o pesado OM 457 LA. Fabricado...

ler mais

Publicações Recentes

Como viajar tranquilo nas férias

Fim de ano chegando e junto vem a lista dos presentes para a família, amigos, Ceia de Natal, então, finalmente o descanso tão esperado. Nada melhor que saber como viajar tranquilo nas férias para aproveitar cada momento, afinal passa muito rápido. Dezembro...

ler mais

O que é o IONITY?

O BMW Group, Daimler AG, Ford Motor Company e Volkswagen Group se uniram para o lançamento da IONITY. Um empreendimento para a implantação de uma rede de estações de carregamento de alta potência em vários países europeus. Em princípio, serão construidos cerca de 400...

ler mais

Por que a Mercedes-Benz do Brasil está comemorando

A Mercedes-Benz do Brasil atingiu a marca de produção de 3 milhões de motores para caminhões e ônibus, no acumulado desde 1956, quando foi pioneira na fabricação do primeiro propulsor a diesel nacional. O motor que simboliza esse marco é o pesado OM 457 LA. Fabricado...

ler mais